Quarentena dia #01

Quase não dormimos na noite do dia 16 para o dia 17 de março. A Sabesp iniciou uma troca de tubulação do quarteirão inteiro na madrugada. A máquina que projetava a tubulação para debaixo da terra ficou estacionada na entrada do prédio, ela funcionava à dísel e jogava a fumaça para dentro dos apartamentos de frente da rua.

O serviço começou as 22hs do dia anterior, com britadeiras, posicionamento de equipamentos, um conjunto de caminhões e muita gente. Uma mangueira estourada quase as 3hs da madrugada salvou o que restava da noite. O técnico de segurança do trabalho, que se apresentou como responsável, disse que o equipamento iria ser substituído, mas que não chegaria naquela mesma noite. Disse que voltaria no dia seguinte. Sua fala pareceu uma ameaça.

Ainda sim, a expectativa do isolamento social indeterminado e as notícias dos últimos dias sobre a pandemia não nos deixou dormir.